Borja é o capitão do Time do Mito da 3ª rodada

26/04/2018 - 21:05

Chegou, chegou, pai! Depois de mitar na 2ª rodada com 108.98 pontos, estamos preparados para a 3ª rodada!

Ao longo dessas rodadas iniciais, o time do mito tentou valorizar algumas cartoletas e acabou conseguindo. Agora, amigos, o foco é PONTUAÇÃO! Então se você quer mitar, tirar onda e ficar bem ranqueado no Nacional, segue “nóis”!

A escalação para a 3ª rodada já está pronta e você confere abaixo:

O esquema é o velho e bom 4-3-3.

No gol vamos de Jailson, já que deve segurar o saldo de gol e fazer uma ou outra defesa.

Messias e Pedro Geromel na zaga. Beques de respeito. O primeiro se destacou na primeira partida do Brasileirão jogando em casa. Conseguiu roubar muitas bolas e mostrou ser bom jogador. Como joga em casa nessa rodada, vamos com ele. Já o segundo dispensa comentários e, apesar de caro, vale a pena escalá-lo mesmo jogando fora de casa.

Nas laterais temos Marcos Rocha e Alemão. Ambos são jogadores muito ofensivos, jogam em casa, têm o favoritismo e enfrentam equipes que não vêm bem na competição. Vamos destacar Alemão, que é uma aposta ousada do mito! O jogador vem de dois jogos sem saldo, mas pontuando positivamente. Nessa rodada, enfrentando o desestruturado Sport, pode ficar com o saldo de gol e quebrar a banca. Fiquem ligados!

Um volante e dois meias ofensivos formam o trio de meio-campo. Começando por Patrick, um dos jogadores que mais roubaram bola no ano passado e começou muito bem nesse ano. Jogando em casa contra o Cruzeiro, deve roubar algumas bolas. Depois temos Serginho que fez dois gols na estreia e pode repetir o feito diante da fraca zaga do Vitória. Fechando o setor temos Otero, uma das unanimidades da rodada. Finaliza, rouba bola, sofre faltas, enfim, jogador completo.

Senta aí que o ataque está D-E-S-T-R-U-I-D-O-R: Luan, Keno e Borja. Luan sempre obtém altas médias no Cartola FC e considero ser boa opção em praticamente todas as rodadas. Apesar de “salgado”, acho que vale o investimento. Keno e Borja completam o ataque, visto que a chance de algum dos dois marcarem contra a Chapecoense é muito alta. A braçadeira fica com Borja pelo fato do jogador estar roubando muitas bolas e ser mais matador que o seu companheiro de ataque.

Roger Machado indiscutível no banco.  

Alterações: Sai Pedro Geromel (Grêmio), entra Víctor Cuesta (Internacional)

Sai Luan (Grêmio), entra Vinicius Junior (Flamengo)

Sai Borja (Palmeiras), entra Dudu (Palmeiras)

A braçadeira de capitão fica com Keno (Palmeiras)

DESEMPENHO

1ª Rodada: 75.55 pontos

2ª Rodada: 108.98 pontos

CCFnas redes sociais